Câmara de Lisboa pede mais acessibilidade nas estações do Metrô

Vereadores aprovam moção nesta quarta (28) pedindo adaptações e sinalização para pessoas com deficiência em toda a rede do Metropolitano e no terminal de ônibus Carris

Notícias
 

Fonte: CM Jornal  |  Autor: CM Jornal  |  Postado em: 29 de março de 2018

Vereadores de Lisboa querem mais acessibilidade no

Vereadores de Lisboa querem mais acessibilidade no 'Metro'

créditos: Pedro Catarino/ Metro de Lisboa

A Câmara Municipal de Lisboa aprovou nesta quarta-feira (28), por unanimidade, uma moção apresentada pelo vereador dos Direitos Sociais, Ricardo Robles, do BE (partido Bloco de Esquerda), para que todas as estações do metrô (conhecido como Metropolitano, ou Metro) tenham asseguradas a acessibilidade para as pessoas com deficiência ou mobilidade reduzida. 

 

Debatido em reunião pública, o documento prevê que o município providencie, "em articulação com a empresa Metropolitano de Lisboa, para que sejam asseguradas, obrigatoriamente, e de acordo com uma priorização estratégica, as adaptações das estações antigas, de forma a garantir equitativamente as adequadas condições de acessibilidade a todas as pessoas". 

 

Essas condições deverão ser asseguradas, "quer nos planos da mobilidade (para acesso do cais à rua e vice-versa), quer na sinalética (sinalização) para cegos, recorrendo ao uso do Braille, quer na indicação de evacuação de emergência para surdos (alarme luminoso)", acrescenta o documento. 

 

O texto apresentado pelo parlamentar pretende também que seja garantido que "em todas as novas estações seja assegurada a acessibilidade a todas as pessoas", também na mobilidade, na sinalização para cegos e de saída de emergência para surdos. "A maioria das estações do Metropolitano de Lisboa não tem acessibilidade entre o cais e a rua para pessoas de mobilidade reduzida", disse. 

 

No caso da rodoviária Carris (da empresa de transportes públicos de Lisboa), a moção pretende que sejam implantadas soluções de transporte adaptado, bem como a inclusão de sinalização em braille informando itinerários e horários dos ônibus. O texto também pede que seja assegurado o passe social, além de informações sobre segurança e conforto no acesso ao transporte. Ainda faz parte das demandas que os programas de apoio a pessoas com mobilidade reduzida sejam feitos de modo articulado com os demais municípios da área metropolitana de Lisboa. 

 

Leia também:
Cidades europeias realizam fórum de mobilidade em Lisboa
Metrô do Porto (Portugal) pode ganhar três novas linhas até 2021
Eixo central de Lisboa é renovado com espaços a pedestres e ciclistas
Metrô de Lisboa: fotos históricas


  • Compartilhe:
  • Share on Google+

Comentários

Nenhum comentário até o momento. Seja o primeiro!!!

Clique aqui e deixe seu comentário

Enquetes
Enquete Você deixaria o carro em casa, e até o transporte público, se as calçadas de sua cidade fossem melhores para caminhar?