Aplicativo de celular para avaliação de ônibus intermunicipais é lançado no Rio

App 'Fiscal de Bolso' permite registro de reclamações e sugestões. Objetivo é aperfeiçoar o transporte intermunicipal

Notícias
 

Fonte: G1  |  Autor: G1  |  Postado em: 08 de julho de 2015

Fiscal de Bolso é novo canal de comunicação com us

Fiscal de Bolso é novo canal de comunicação com usuários

créditos: Detro

 

A partir desta quarta-feira (8), os passageiros dos ônibus e vans intermunicipais têm a possibilidade de avaliar o transporte, apresentar reclamações e sugestões e registrar comentários sobre os ônibus por meio de um aplicativo de celular - o “Fiscal de Bolso”, disponibilizado pelo Departamento de Transportes Rodoviários do Rio (Detro), deve funcionar como canal de comunicação para os usuários do transporte.

 

No aplicativo, o usuário pode identificar exatamente qual ônibus embarcou e até mesmo enviar fotos do veículo. Segundo o Detro, essas informações serão integradas imediatamente ao Sistema de Inteligência e Monitoramento (SIM) e encaminhadas para fiscalização. O app está disponível para sistemas Android, iOS, Windows Phone e pode ser baixado na App Store e na Play Store, digitando Detro-RJ no ícone busca.

 

Além do aplicativo, os usuários passageiros do transporte intermunicipal também podem registrar reclamações por meio do WhatsApp Fale Detro (21 98596-8545). Na primeira mensagem, o usuário precisa informar o nome completo, e-mail, cidade e bairro em que mora, para que os dados sejam incluídos no sistema. Será gerado um protocolo de atendimento para que o usuário possa acompanhar o caso. Segundo o Detro, as informações recebidas pelo Whatsapp Fale Detro serão filtradas e encaminhadas à equipe de fiscalização. Caso a irregularidade seja constatada, serão aplicadas as sanções cabíveis e o passageiro será informado.

 

Atualmente, para atender aos passageiros do transporte intermunicipal, o Detro também disponibiliza o canal da Ouvidoria, que recebe reclamações e sugestões por meio do telefone 3883-4141, e-mail [email protected] e site www.detro.rj.gov.br. Há ainda a Ouvidoria Itinerante, que, desde março visita os terminais rodoviários do estado para ouvir os passageiros que, no ato, podem direcionar estrategicamente as ações da fiscalização.

 

Leia também:

Após 4 anos, teleférico do Alemão, no Rio, dá sinais de fracasso

Impactos da mobilidade urbana na Região Metropolitana do Rio de Janeiro

VLT do Rio: primeira composição chega à cidade


 


  • Compartilhe:
  • Share on Google+

Comentários

Nenhum comentário até o momento. Seja o primeiro!!!

Clique aqui e deixe seu comentário