Obras de requalificação de calçadas tem início no centro do Recife

Com intervenções em andamento, programa Calçada Legal inclui vias importantes da região central como Rua do Príncipe, Avenida João de Barros e Visconde de Suassuna

Notícias
 

Fonte: Diário de Pernambuco  |  Autor: Diário de Pernambuco  |  Postado em: 06 de junho de 2018

Perspectiva da nova Rua do Príncipe: mais 1,20 m d

Perspectiva da nova Rua do Príncipe: mais 1,20 m de passeio

créditos: Unicap/ Cortesia

 

As obras de requalificação das calçadas na Rua do Príncipe, na Boa Vista, iniciaram nesta quarta-feira (6). Esta é a nona via na cidade a receber a intervenção do programa Calçada Legal, que vai garantir mobilidade e acessibilidade nas calçadas para pedestres e usuários de transporte público. 

 

Também passarão por mudanças a Avenida João de Barros, em andamento desde abril deste ano, e a Visconde de Suassuna, todas na região central da cidade. O investimento para execução das obras é de cerca de R$ 1,5 milhões, fruto de convênio entre a gestão municipal e o governo federal.

 

Rua do Príncipe

A obra da Rua do Príncipe será dividida em dois trechos. O primeiro, com projeto feito em parceria com a Universidade Católica de Pernambuco (Unicap), dentro do Plano Centro Cidadão, fica entre as ruas Nunes Machado e Bispo Cardoso Ayres. Entre as melhorias, o destaque é o recuo na calçada do Liceu Nóbrega, o que permitirá o alargamento de 5 m para a implantação de uma área de estar urbana.

 

O trecho também envolve o Consórcio Grande Recife, que substituirá o atual abrigo por dois conjuntos de paradas seletivas, para melhorar a distribuição das linhas de transporte público. Além disso, toda a extensão da via terá a calçada alargada em 1,20 m para permitir o uso livre do passeio público sem a retirada das árvores de grande porte existentes.

 

A segunda parte do trecho segue até o cruzamento com a Rua do Hospício. O padrão de obra utilizado será o mesmo para todas as calçadas: inclusão de novas faixas de travessia de pedestres, paisagismo e iluminação específica para os usuários dos passeios públicos. 

 

A pavimentação é executada em materiais antiderrapantes, com uso de pisos táteis, sinalizadores e direcionais. Também serão feitas melhorias como a recuperação do piso, rampas de acessibilidade, percursos legíveis e preservação dos passeios históricos. 

 

Leia também:
Campanha aponta 2.547 'ciladas' ao pedestre em calçadas do país
Prefeitura de Florianópolis lança manual de desenho das calçadas
Apucarana (PR) constrói 90 km lineares de calçadas em cinco anos
Via no Recife recebe obras para se tornar amigável aos pedestres
Recife inicia nova ação para reforma de calçadas


  • Compartilhe:
  • Share on Google+

Comentários

Nenhum comentário até o momento. Seja o primeiro!!!

Clique aqui e deixe seu comentário

Mais lidas


  • Nenhuma notícia encontrada.