Veja quanto custa alugar bicicleta em destinos turísticos pelo mundo

Londres, Paris, Milão... Saiba como funciona o serviço de compartilhamento de bicicletas nas principais cidades do globo

Notícias
 

Fonte: Terra  |  Autor: Da redação  |  Postado em: 03 de outubro de 2013

Serviço de compartilhamento em Melbourne

Serviço de compartilhamento em Melbourne

créditos: udeyismail / Shutterstock

 

O aluguel de bicicletas é um serviço cada vez mais comum ao redor do mundo. Introduzidas pelos gestores de grandes centros urbanos como uma forma de aliviar os congestionamentos, as bicicletas são um meio de transporte sustentável que servem não só como alternativa de deslocamento para os habitantes locais, mas também como uma maneira divertida e saudável de conhecer as cidades para os turistas.

 

A primeira cidade a implementar sistemas de aluguel de bicicletas e iniciativas para popularizar seu uso foi a capital da Holanda, Amsterdã, em 1965. Hoje, a cidade não mantém mais sistemas públicos de aluguel, mas diversas agências prestam esse serviço. Na capital mexicana e em Barcelona, na Espanha, há sistema público, mas só residentes podem usar o serviço; turistas que queiram passear sobre duas rodas têm de procurar por agências ou lojas de aluguel.

 

Outras cidades dentro e fora da Europa oferecem bons sistemas de aluguel para turistas, com opções de tarifas diárias ou semanais. Na maioria dos programas, os pagamentos costumam ser feitos com cartão de crédito internacional. Confira, na galeria, os preços de aluguel em diferentes países.

 

Melbourne

No sistema de aluguel de Melbourne, na Austrália, o registro pode ser feito em uma das 51 estações da cidade. Cartão de crédito é usado para pagamento e identificação, e o custo é de 2,70 dólares australianos (R$ 5,62) por dia, e 8 (R$ 16,66) por semana
 

Paris

Para usar o sistema de aluguel de bicicletas de Paris, o Vélib, é preciso cadastrar-se com cartão de crédito e fazer uma carteirinha. A primeira meia hora é grátis, e as bicicletas podem ser devolvidas em qualquer estação

 

Para os passes de um dia na capital francesa, o preço é 1,70 euro (R$ 5,13), e para os de uma semana, 8 euros (R$ 24,14). É possível fazer o cadastro pela internet com antecedência ou em uma das estações de aluguel