Jaboticabal (SP) está perto de ser a 17ª cidade do país com tarifa zero

Proposta da prefeitura deve ser votada na próxima semana pela Câmara Municipal. Se aprovada, esta será a quinta cidade do estado a aderir ao serviço de ônibus gratuito

Notícias
 

Fonte: Com a Palavra  |  Autor: Mobilize  |  Postado em: 04 de novembro de 2019

Jaboticabal, mais uma cidade a propor ônibus gratu

Jaboticabal, mais uma cidade a propor ônibus gratuitos

créditos: Reprodução

A cidade de Jaboticabal, localizada a norte do estado de SP, está a um passo de implantar a "tarifa zero" na sua rede de transporte público. 

 

O modelo, inspirado em projetos europeus, trará, além das passagens de ônibus gratuitas, melhorias como a ampliação de itinerários e novos ônibus equipados com internet, câmaras de segurança e acessibilidade. Para tanto, a prefeitura finaliza no momento a preparação dos documentos que serão enviados para votação na Câmara Municipal.

 

O programa já é realidade em vários países europeus: só na França são 38 cidades. No Brasil, dos 5.570 municípios, 16 já adotam o serviço de transporte gratuito. Jaboticabal será 17ª a aderir ao modelo, fruto de uma parceria entre a Prefeitura e iniciativa privada.

 

Um breve levantamento do Mobilize chegou ao resultado de 16 cidades que, de seis anos para cá, vêm estabelecendo a tarifa zero no país. São elas: Vargem Grande Paulista (SP), Potirendaba (SP), Paulínia (SP), Agudos (SP), Maricá (RJ), Volta Redonda (RJ), Porto Real (RJ), Silva Jardim (RJ), Ivaiporã (PR), Muzambinho (MG), Itatiaiuçu (MG), Mount Carmel (MG), Campo Belo (MG), Eusebio (CE), Anicuns (GO) e Pitanga (PR). 

 

Economia 

Segundo o prefeito de Jaboticabal, José Carlos Hori (PSL), as empresas poderão economizar em média de 70% no valor pago em vale-transporte, gerando uma economia que poderá se reverter em ganho ao trabalhador e indiretamente impulsionar o comércio. 

 

As despesas serão administradas pelo Fundo Municipal do Transporte. “O valor do vale-transporte dos funcionários será depositado pelas empresas de Jaboticabal, mas será menor, já que os ônibus serão alugados pela prefeitura e não teremos mais uma empresa”, explica o secretário de Planejamento, Paulo Polachini.

 

Quem banca

O Fundo Municipal do Transporte receberá recursos do vale-transporte dos colaboradores, da propaganda nos ônibus e das passagens que a prefeitura já paga para os estudantes, deficientes e idosos. “Os ônibus serão alugados pela prefeitura e não será contratada uma Viação, ou seja, cortamos um custo enorme de administração de uma empresa, como o seu lucro, a manutenção de uma sede, funcionários, impostos, contas de energia etc”, explica o secretário da Fazenda, Claudio Almeida.

 

Cronograma

O documento deverá ser encaminhado para votação na Câmara Municipal na semana que vem. Após autorização dos vereadores, a prefeitura já pode abrir o processo de licitação. O edital para a contratação da empresa já está quase pronto. Todo o trâmite deve levar cerca de 90 dias, informa o governo.

 

Leia também:
A tarifa zero avança na Europa. E o Brasil?
Madri terá linhas de ônibus grátis na área central
Volta Redonda (RJ) terá mais dois ônibus elétricos tarifa zero
Luxemburgo vai adotar tarifa zero no transporte público
Transporte grátis para todos: por que deveríamos importar essa ideia
Subsídio ao transporte público é investimento


  • Compartilhe:
  • Share on Google+

Comentários

Nenhum comentário até o momento. Seja o primeiro!!!

Clique aqui e deixe seu comentário