São Paulo libera bikes em trens e metrô. Todos os dias!

Durante crise da saúde, bicicletas e patinetes terão livre acesso aos trens do Metrô e da CPTM. Objetivo é facilitar a mobilidade "alternativa" e evitar contaminações

Notícias
 

Fonte: Mobilize Brasil/Ass.Governo de SP  |  Autor: Marcos de Sousa/Mobilize Brasil  |  Postado em: 28 de março de 2020

Ciclista viaja com sua bicicleta em trem do Metrô

Ciclista viaja com sua bicicleta em trem do Metrô

créditos: Foto: Mobilize Brasil

A partir de amanhã (28) os ciclistas da Região Metropolitana de São Paulo poderão acessar os trens do Metrô e da CPTM com suas bicicletas e patinetes, em todos os dias da semana, das 10h às 16h e de 20h30 até meia noite. A medida deve valer até o final da crise gerada pela pandemia do coronavírus. Também os bicicletários das estações da rede metropolitana de trilhos estarão abertos para atender aos usuários que usam ciclovias e trilhos urbanos para seus deslocamentos diários.
  

O objetivo é permitir que os trabalhadores de entregas e aqueles que atuam em serviços essenciais possam chegar a seus postos de trabalho sem enfrentar ônibus lotados, com risco de transmissão do coronavírus. Desta forma, as pessoas que moram em bairros mais afastados poderão seguir até as estações, embarcar com suas bicicletas e seguir pelo transporte de massa até seus locais de trabalho

O acesso das bikes aos trens também será permitido durante todo o dia, nos sábados e domingos. 

Leia a nota divulgada pelo governo:

A Secretaria dos Transportes Metropolitanos (STM) acompanha, desde a última terça-feira (24), o funcionamento da "operação Monitorada" no Metrô, na CPTM e na EMTU. Com a expressiva queda na demanda, readequamos o efetivo das empresas para permitir que os trabalhadores que usam a bicicleta como meio de locomoção estejam autorizados os acessos ao Metrô e CPTM de 10h às 16h e de 20h30 até meia noite durante a semana. Aos finais de semana está liberado durante todo o dia.   
 
Para também atender aos cidadãos que trabalham em serviços essenciais, o Metrô e a CPTM reabriram nesta sexta-feira, parte dos bicicletários, conforme a lista a seguir:
 
CPTM
Bicicletários abertos durante toda a operação: Linha 7 (Franco da Rocha e Vila Aurora); Linha 8 (Itapevi e Jardim Silveira); Linha 9 (Jurubatuba e Autódromo); Linha 10 (Tamanduatei); Linha 11 (Suzano e Ferraz de Vasconcelos); Linha 12 (USP Leste, Jardim Helena e Itaim Paulista); Linha 13 (Cecap). 
 
Metrô
Bicicletários abertos entre 10 e 16hs: Itaquera, Guilhermina-Esperança e Carrão (todas na Linha 3-Vermelha).
 
Estações com paraciclos disponíveis durante toda a operação:
Liberdade, Jardim São Paulo e Parada Inglesa (Linha 1-Azul); Vila Prudente, Tamanduateí, Paraíso e Vila Madalena (Linha 2-Verde); Artur Alvim, Vila Matilde, Penha, Belém, Brás, Anhangabaú, Cecília e Barra Funda (Linha 3-Vermelha); Vila Prudentes, Oratório, São Lucas, Camilo Haddad, Vila Tolstói, Vila União, Jardim Planalto, Sapopemba, Fazenda da Juta e São Mateus (todas as estações da Linha 15-Prata).
 

Leia também:
VLT de Brasília terá audiência pública em abril. Via Internet
Boletim Mobilize #114: Ricky Ribeiro fala sobre a crise do coronavírus

Renata Falzoni: bicicleta e caminhada em tempos de coronavírus
Fiscalização mais rigorosa no trânsito pode zerar acidentes e desafogar hospitais
Coronavírus: metrôs e ônibus devem ser desinfetados a cada viagem


  • Compartilhe:
  • Share on Google+

Comentários

Nathachi - 12 de Setembro de 2020 às 06:07 Positivo 0 Negativo 0

O metrô e trêm sempre esteve liberado todos os dias. So o que mudaram foram os horários, muito melhores agora. Antes apenas 20h30 em.diante, seg a sexta. - o título da matéria esta errado. Espero que eles mantenham esse novo horário, mobilidade.

Clique aqui e deixe seu comentário